Mutirão para Manutenção de Trilha é Realizado no PNSHL

1_edit

Reunião inicial com voluntários para distribuir e orientar as atividades a serem realizadas no dia.

No último dia 5 de dezembro, “Dia Internacional do Voluntário”, o Parque Nacional de Saint-Hilaire/Lange (PNSHL), juntamente com o Clube Paranaense de Montanhismo, promoveram um mutirão de voluntários para a manutenção da parte baixa da trilha da Torre da Prata. Esta trilha dá acesso ao cume da montanha mais alta da Serra da Prata, com aproximadamente 1.500 metros, e é utilizada por montanhistas há muitos anos, antes mesmo da criação do Parque Nacional.

 

Participaram do mutirão dois analistas ambientais da Unidade de Conservação e onze voluntários, que realizaram as seguintes atividades: roçada do início da trilha que estava tomada por capim e lírio-do-brejo (espécie exótica invasora); poda da vegetação do corredor da trilha; remoção de troncos grandes caídos que estavam causando desvios da trilha principal e gerando risco de segurança ao caminhante; contenções de erosão na trilha; fechamento de trilhas secundárias e atalhos; e manutenção das fitas refletivas de sinalização. Um dos voluntários foi o fotógrafo Péricles dos Santos, que acompanhou os trabalhos e fez belos registros (veja a galeria de fotos).

 

9_edit

Voluntária fechando trilhas marginais.

O aumento da presença institucional do ICMBio e parceiros na área é importante para melhorar a proteção da área, visto que existem trilhas secundárias abertas por caçadores e palmiteiros, bem como evidências de palmitos cortados na área. As atividades de manejo realizadas tiveram os seguintes objetivos: propiciar a permanência do caminhante na trilha principal, anulando a necessidade de abertura de desvios, alargamento da trilha e pisoteio da vegetação lateral; conter processos erosivos do solo; e tornar a trilha mais segura. Esse conjunto de ações proporcionará uma experiência de melhor qualidade ao visitante quando caminhar pela trilha, diminuindo ainda o risco de acidentes e de que o caminhante se perca em trilhas marginais.

DSC01787_edit

Fita refletiva de sinalização em tronco de árvore (fotografada com flash).

Uma vez que parte do percurso da trilha da Torre da Prata geralmente realiza-se à noite, a sinalização do tipo refletiva vem sendo testada e monitorada nesta trilha nos últimos três anos. Segundo relato do corpo de bombeiros, não houve mais incidentes de pessoas perdidas desde que este tipo de sinalização foi adotado.

O Parque Nacional agradece a participação de cada um dos voluntários, sem os quais tais ações não seriam possíveis. Novos mutirões para continuidade da manutenção da trilha nas partes média e alta devem ocorrer em 2016.

 

 

Galeria de fotos:

2_edit  4_edit  5_edit

DSC01829_edit  6_edit  7_edit

DSC01767_edit  DSC01827_edit  DSC01776_edit

DSC01766_edit  DSC01845_edit  DSC01842_edit

Pericles_FB_2  Pericles_FB_3

3 Respostas

  1. Parabéns a toda equipe. Trabalho que faz a diferença!

  2. Bacana isso, ajuda a ensinar que o convívio mútuo e harmônico é a melhor solução para todos.

  3. Como faço para participar dessas ações?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: