Novos conselheiros recebem capacitação sobre legislação ambiental

Membros do Conselho Consultivo do Parque Nacional de Saint-Hilaire/Lange  participaram, na última terça feira, 29 de outubro, do curso sobre legislação  que encerrou o ciclo de capacitação dos atuais conselheiros. Trinta e três pessoas participaram: a maioria era composta por conselheiros que representam comunidades rurais e assumiram seus mandatos em 2012 e que ainda não haviam tido oportunidade e conhecer e discutir sobre aspectos legais das unidades de conservação.

As atividades foram desenvolvidas de forma participativa, priorizando discussões em grupo sobre a importância das áreas protegidas, o novo Código Florestal, a legislação referente às Unidades de Conservação e o papel do conselheiro na gestão de uma Unidade de Conservação da categoria de proteção integral – caso do Parque Nacional. Os trabalhos foram iniciados por Silvana, do Mater Natura, que apresentou uma “linha do tempo” discutindo alguns momentos históricos que mudaram o comportamento da humanidade em relação as questões ambientais e finalizando com histórico da legislação ambiental. Em seguida, os participantes  trocaram suas impressões e tiraram dúvidas sobre a legislação ambiental, incluindo alguns aspectos do recém aprovado Código Florestal.

No período da tarde os conselheiros discutiram assuntos relacionados ao Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SNUC – Lei 9.985/2000), destacando os tipos de áreas protegidas que possuem representação federal no litoral do Paraná: Parque Nacional, Estação Ecológica, Reserva Biológica e  Área de Proteção Ambiental; conheceram melhor os objetivos e atividades do PNSHL e o processo de revisão dos seus limites, por meio de uma apresentação feita pela equipe do Parque; e discutiram em grupos o papel de cada um como representante de sua comunidade na gestão da área protegida.

O curso foi realizado pelo PNSHL em parceria com o Mater Natura Instituto de Estudos Ambientais, que recebe recursos do Ministério do Meio Ambiente para desenvolver o Projeto de Gerenciamento Integrado de Unidades de Conservação da Mata Atlântica: a Capacitação em Gestão Participativa como uma Estratégia de Conservação. O evento ainda teve apoio da UFPR-Litoral para o transporte dos conselheiros que moram na zona rural.

Uma resposta

  1. É sempre enriquecedor os cursos que tenho participado e este da mesma forma foi muito bom, além da reflexão sobre a linha do tempo, que eu adorei, as discussões sobre o código florestal, o papel do conselheiro e a função do conselho trabalhadas em grupo foi ótimo.
    Nunca será demais repetir esses temas!.
    Mandaram Bem todos! parabéns!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: